• Mar Bahia

Ciclone pode provocar ventos de até 75km/h na Bahia

A Marinha do Brasil, em colaboração com o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), com o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC/INPE) e com o Centro Integrado de Meteorologia Aeronáutica da Força Aérea Brasileira (CIMAER/FAB), participa que há previsão de formação de um ciclone, entre os dias 24 e 26 de agosto, associado ao deslocamento da frente fria que atua no litoral da região Sudeste do Brasil.

Esse sistema tende a formar-se a aproximadamente 1.100 quilômetros (600 milhas náuticas) a Sudeste da costa dos estados do Rio de Janeiro e do Espírito Santo, deslocando-se para Noroeste/Oeste, que poderá provocar ventos de direção Sudeste a Sudoeste, com intensidade de até 75 km/h (40 nós), na faixa litorânea entre os estados do Rio de Janeiro, ao norte de Cabo Frio, do Espírito Santo e da Bahia, ao Sul de Caravelas, entre a noite do dia 23 de agosto e a manhã do dia 26 de agosto.


Os ventos favorecerão a ocorrência de agitação marítima com ondas, em alto-mar, de direção Sudoeste a Sudeste, com até 5,0 metros de altura, entre os estados do Rio de Janeiro, ao Norte de Cabo Frio, do Espírito Santo e da Bahia, ao Sul de Caravelas, entre a noite do dia 23 de agosto e a manhã do dia 26 de agosto. Há, ainda, condições favoráveis à ocorrência de ressaca, com ondas de direção Sudoeste a Sudeste, com 2,5 metros de altura, na faixa litorânea entre os estados do Espírito Santo, ao norte de Linhares, e Bahia ao Sul de Salvador, até a noite do dia 24 de agosto. Também, há condições para ressaca com ondas de direção Sudeste, com 2,5 metros de altura, entre os estados do Rio de Janeiro, ao Norte de Cabo Frio, do Espírito Santo, e da Bahia, ao Sul de Caravelas, entre a noite do dia 24 de agosto e a noite do dia 26 de agosto.

© 2017. Mar Bahia. Todos os direitos reservados.