• Mar Bahia

Nordeste busca união para proteger regiões costeiras após a pandemia

Com participação da sociedade civil e da comunidade acadêmica, a ONG Rede Mar criou a União Nordeste Mar (UNEMar), em defesa do uso sustentável das regiões litorâneas e oceânicas, propondo programas e ações unificados para implementação após a pandemia da Covid-19. O Nordeste possui a maior parte da região costeira do país, que além de pouca protegida, recentemente foi atingida por grandes manchas de óleo.

“É necessário pensar de uma forma inclusiva para que não haja a interrupção no processo de recuperação ambiental que está ocorrendo durante o fechamento das praias neste período de pandemia”, afirma o presidente da ONG, William Freitas. Ele destaca que a região litorânea é uma fonte econômica importante para o Nordeste, entretanto, com o término da quarentena, algumas atividades predatórias poderão retornar com mais impacto, prejudicando os ganhos ambientais que estão ocorrendo durante o isolamento.

A UNEMar propõe a discussão horizontal, dando dinamicidade ao processo além de agregar todos envolvidos na cadeia, aí incluídas as comunidades tradicionais, os povos do mar, populações indígena e quilombola. Além disso, possui três pilares norteadores: a Década dos Oceanos que se inicia em 2021, a Economia Azul e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU. A rede está reunindo colaboradores de vários setores, como instituições de ensino e de pesquisa, Poder Público, Terceiro Setor, Sociedade Civil e empresariado para que, juntos, encontrem a melhor forma de aproveitamento costeiro de forma sistêmica, estratégica e sustentável.

Mais informações:

Coordenador Institucional da UneMar | William Freitas

(71) 99937-9672

© 2017. Mar Bahia. Todos os direitos reservados.