top of page
  • Foto do escritorMar Bahia

Apreendidas bombas utilizadas para pesca ilegal em Itaparica


Uma operação planejada de combate à pesca predatória e cumprimento aos defesos das espécies marinhas realizada pelo Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) em parceria com a Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental (COPPA), apreendeu, nesta quinta-feira (13), seis bombas explosivas utilizadas para pesca ilegal na região de Itaparica, na localidade de Mocambo.


Além das bombas, também foram apreendidas duas embarcações utilizadas no delito. Os infratores empreenderam fuga do local, não sendo possível a prisão dos mesmos. A COPPA ficou responsável por dar a devida destinação aos explosivos apreendidos, considerando a segurança de todos os envolvidos.


O Inema alerta que a pesca com uso de explosivos é uma prática ilegal que tem diversos impactos negativos, como a morte de representantes da fauna e flora do ecossistema marinho, comprometimento da cadeia alimentar das espécies e geração de perturbação em escala macro e micro nestes habitats.


Além disso, o uso de explosivos pode causar acidentes que podem colocar em risco a vida de quem manipula os artefatos explosivos, bem como de pescadores, banhistas e mergulhadores que estão no raio de ação da detonação.


As punições para o uso de pesca com bomba no estado são severas. Quando é dado o flagrante, principalmente quando há a apreensão do artefato explosivo, o infrator é preso e devidamente enquadrado, o que pode acarretar pena de reclusão de 01 a 05 anos, conforme prevê a Lei de Crimes Ambientais N° 9.605 de 12/02/1998.


Para denunciar crimes ambientais, basta acionar o Disque Denúncia do Inema, através do número: 08000 71 1400.


0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commenti


bottom of page