top of page
  • Foto do escritorMar Bahia

Crianças são apresentadas à literatura em passeios de barco em Ilha de Maré

Imagine fazer um passeio de barco apreciando as belezas naturais de Salvador e, de quebra, ouvir histórias, assistir apresentações de teatro ou performances artísticas no trajeto. Essa é a experiência que o projeto “As literaturas que flutuam em Ilha de Maré” está proporcionando a crianças e adolescentes das escolas municipais da ilha neste mês de outubro.

Em cada edição estão sendo realizados encontros com escritores, poetas e contadores de histórias para o público infantojuvenil, a partir de práticas de leitura que serão desenvolvidas nas unidades de ensino da ilha. Com estas ações, o projeto pretende despertar nos alunos o gosto pela literatura, senso crítico e ampliação da visão de mundo.


As ações englobam estímulo à leitura de obras literárias clássicas e contemporâneas, intercâmbio de práticas leitoras entre as escolas da ilha e desenvolvimento de leituras e apresentações literárias dentro do barco durante o percurso feito pelos estudantes. São contempladas com a iniciativa todas as escolas da rede municipal de ensino da Ilha de Maré, beneficiando 250 alunos.


A autora do “As literaturas que flutuam em Ilha de Maré”, Gene de Jesus, destacou que a arte transforma a vida das pessoas. Por isso, esse é o maior ganho do projeto. Ela, que atua como vice-diretora na Rede Municipal de Ensino, trabalha com o fomento à leitura neste viés desde o ano 2000.


"De lá pra cá sempre trabalho com literatura literária e em Ilha de Maré é a primeira vez. O projeto foi pensado para trazer o encantamento pelas letras e o mundo das histórias que pode ser propiciado a essas crianças e adolescentes", conta Gene.


Programação - Ao todo são quatro dias de atividades com escritoras, contadoras de histórias e poetisas. No primeiro encontro, realizado no último dia 9, a travessia foi feita de barco entre Santana e Bananeiras e teve a presença da atriz, escritora, diretora teatral, contadora de histórias e curadora do projeto Quarta Free, do Pelourinho, Ana Paula Carneiro.


Nesta segunda-feira (16), a professora, poetisa, escritora e membro da Academia de Literatura Brasil, Bárbara Guimarães, será responsável por guiar as crianças pelo universo da literatura. A travessia de barco será feita de Bananeiras a Botelho.


No próximo dia 20 o encontro vai ser duplo e vai contar com a presença da autora do livro “Comunhão Amiga”, Amanda Maria, e uma convidada-surpresa. O passeio será de Praia Grande a Bananeiras. Por fim, no dia 23, último dia do projeto, quem vai guiar a criançada pela literatura são as contadoras de histórias e mediadoras de leitura Gene de Jesus e Alcione Sacramento. O barco sairá do Norte até Bananeiras.

0 comentário

Comments


bottom of page