• Mar Bahia

Período migratório das Baleias-Jubarte na Bahia ganha Cartilha de Boas Práticas


De junho a novembro torna-se intensa a movimentação para a observação de baleias-jubarte na Bahia. Anualmente, elas migram nesta época para a costa brasileira em busca de águas quentes e apropriadas para acasalarem e terem seus filhotes.


Como elas estão se aproximando, o Projeto Baleias Soteropolitanas (PBS), Juntos, o Redemar Brasil, o Projeto Aquamar, a Associação Classista de Educação e Esporte Da Bahia (ACEB) e demais colaboradores, elaboraram uma cartilha com ações de boas práticas para convivência com essas gigantes.


O objetivo é evitar as capturas acidentais em redes de pesca, colisões com embarcações, poluição química e sonora.


A cartilha traz também, de forma de didática, a importância ecológica – como as Jubartes contribuem com a captura e diminuição da concentração de gás carbônico na atmosfera, nutrição do ambiente marinho através das suas fezes, manutenção da qualidade de vida em terra - e econômica dos cetáceos – Turismo de Observação de Baleias Embarcada (TOBE).


"Estamos ansiosos para a segunda temporada, com expectativa de receber um maior número de baleias em comparação ao ano passado (2021), que foi uma temporada muito atípica, além da aplicação das nossas novas ferramentas para estudos sobre comportamento, mapeamento de rotas (redepoints), e Turismo de Observação de Baleias Embarcado", declara William Freitas, presidente da Redemar.


Baixe aqui a Cartilha!

cartilha ilustrada REDEMAR br
.pdf
Download PDF • 26.81MB


0 comentário