top of page
  • Foto do escritorMar Bahia

Regata Tour Salvador-Mutá 2024 supera expectativas

Se ainda restava alguma dúvida de que os ventos sopram a favor do TURISMO NÁUTICO na Baía de Todos-os-Santos, ela já não mais existe. Contrariando as condições climáticas adversas que marcaram praticamente todo o mês de abril, com fortes chuvas e um acumulado que supera mais de três vezes o previsto para esse período do ano, a REGATA TOUR SALVADOR-MUTÁ 2024 foi realizada no último sábado (27) com boas condições de mar e vento.


Com largadas às 10h30 e 11h00 da manhã, próximas à Ilha de Maré, 58 veleiros de oceano e mais de 350 velejadores iniciaram a sua navegação rumo a Mutá, localidade paradisíaca situada à contra costa da Ilha de Itaparica e pertencente ao município de Jaguaripe.


No percurso de 25 milhas náuticas, cerca de 45 km, os navegadores testaram todas as suas habilidades, principalmente após passarem por Itaparica, quando precisaram navegar à contra-vento, obrigando-os a velejar em “zig-zag” para prosseguir até a raia de chegada.


Ainda assim, com essa dificuldade momentânea, muitos veleiros conseguiram chegar a Mutá pouco depois das 15h00. Para uma embarcação oceânica, com numerosa tripulação, e ainda atravessando momentos de navegação a contra-vento, concluir um percurso de 25 milhas náuticas em 04 horas, pode ser considerada uma ótima performance.


FITA AZUL

O termo “Fita Azul” é o título conferido ao primeiro veleiro a cruzar a raia de chegada em uma regata. Como a Regata Tour Salvador-Mutá 2024 foi composta por duas largadas, foram concedidos dois títulos de Fita Azul.



O Fita Azul da primeira largada foi o Veleiro “LE PAR UN” do casal Wellington (Neném) e Andréia. Já o Fita Azul da segunda largada, foi o Veleiro “Stanley Marujos” da família Wicks.


A BELEZA DO PERCURSO


É de fato indescritível a experiência de navegar pelas águas da Baía de Todos-os-Santos. A Regata Tour Salvador-Mutá 2024 propiciou aos participantes belas paisagens em seu caminho até Mutá a exemplo de Ilha de Maré, Ilha dos Frades, Reserva Ambiental da Ilha do Medo e Ilha de Itaparica.


Os navegadores ainda foram “brindados” com a aparição de dezenas de botos, muito comuns na região da contra costa de Itaparica, além de diversas espécies de aves, dentre elas numerosas andorinhas e garças.


A flora local é composta de um extenso trecho da mata atlântica e fartos manguezais, muito importantes na manutenção da fauna marinha.


EMBARQUE E DESEMBARQUE EM MUTÁ – NOVO ATRACADOURO

Foram unânimes os comentários dos navegadores participantes do evento em relação ao novo atracadouro de Mutá.


Uma das importantes obras estruturantes do PRODETUR BAHIA, através da Secretaria de Turismo (SETUR/BA) na BTS, o equipamento está muito bem cuidado e atendeu de maneira plena a grande demanda de embarque e desembarque de velejadores.

Isso trouxe muito conforto, segurança e praticidade para todos e será, sem dúvida, um dos pontos favoráveis para que o retorno de navegadores em outras oportunidades aconteça.


Dessa forma o evento náutico cumpre um dos seus principais papéis – fomentar e fortalecer o TURISMO NÁUTICO, gerando oportunidades de emprego e renda para a população local.

RECEPTIVO E CERIMÔNIA DE PREMIAÇÃO


Ao desembarcarem em Mutá os velejadores foram recepcionados pela equipe de coordenação do evento. Veículos tipo Van foram contratados para o traslado das tripulações para o Hotel Fazenda Recanto, distante 1,5 km do atracadouro. No hotel, por volta das 18h00, foram recebidos com muita alegria pelo grupo cultural “As Sambadeiras de Mutá e Pirajuía”, que mantem viva a tradição do Samba de Roda do Recôncavo Baiano.

Foi oferecido um jantar no amplo espaço de eventos do Hotel, seguido de um animado e variado sorteio de brindes para todos os presentes. Às 20h teve início a Cerimônia de Premiação, quando foram agraciados com troféus e livros do navegador Aleixo Belov os três primeiros colocados de cada classe de veleiros. Ao todo são mais de 10 classes premiadas, além dos troféus de Fita Azul.


HOMENAGENS À PATROCINADORES E APOIADORES

Durante a Cerimônia de Premiação, um momento muito especial, quando rendemos as merecidas homenagens às organizações e pessoas, através das quais foi possível transformar esse projeto em vitoriosa realidade.


Dentre os homenageados estava o Sr. Ismar de Souza, representando a Secretaria de Turismo da Bahia, patrocinador Master do evento, o casal Tânia e o Luiz Andrade, proprietários do Hotel Fazenda Recanto e dedicados anfitriões, o Sr. Marco Aurélio Monteiro, CEO da A1 Construções e Incorporações, especial patrocinador, o casal Fábio e Elane Reis, sócios-franqueados da Boatlux Cotas Náuticas e Lúcio Bahia, Comodoro do Aratu Iate Clube e representante da Flip Boat Clube Veleiros em Multipropriedade, ambas empresas apoiadoras da regata.


Justa homenagem também ao velejador Maurício Sacchi, Capitão da Flotilha de Veleiros de Oceano da Bahia (FVOBA), grande liderança do Iatismo baiano e a dupla André Costa e Ivan Cândido, pelo trabalho de excelência à frente da Comissão de Regata do evento, responsável por toda a parte técnica.


OCUPAÇÃO HOTELEIRA

Um dos importantes resultados da REGATA TOUR SALVADOR-MUTÁ 2024 foi a expressiva ocupação do Hotel Fazenda Recanto, que registrou um grande numero de hóspedes oriundos dos veleiros participantes do evento, além de equipe de coordenação, banda e convidados, todos hospedados e usufruindo das belas e confortáveis instalações do hotel.


FORTALECIMENTO DO TURISMO NÁUTICO

A REGATA TOUR SALVADOR-MUTÁ encerra a edição 2024 com a certeza de ter cumprido o seu objetivo principal – divulgar, fomentar e fortalecer o Turismo Náutico na Baía de Todos-os-Santos, com reflexos positivos a curto e médio prazos.

Diversos participantes, que não conheciam Mutá, já garantiram reserva no Hotel para posterior retorno a região em viagens de lazer.


PATROCINADORES E APOIADORES


A REGATA TOUR SALVADOR-MUTÁ 2024 conta com o patrocínio master da Secretaria de Turismo da Bahia (SETUR/BA), especial patrocínio da A1 Construções e Incorporações, através do belo empreendimento “Rancho Recanto das Águas”, em Mutá.


Especial apoio da Fundação Aleixo Belov, Uranus 2 Comunicação, Boatlux Cotas Náuticas, Centerglass Resinas e Fibras de Vidro e Flip Boat Club Veleiros em Multipropriedade. Tem o apoio técnico da Federação de Esportes Náuticos do Estado da Bahia (FENEB) e da Flotilha de Veleiros de Oceano da Bahia (FVOBA). Apoio institucional da Capitania dos Portos da Bahia, Prefeitura de Jaguaripe, PMBA , do Hotel Fazenda Recanto e da Associação Náutica da Bahia (ANB). Apoio de mídia da Tribuna da Bahia, Site Mar Bahia e Programa A Bordo, da Rádio Metrópole FM. Informações através no e-mail vianautica.nautica@yahoo.com.br

0 comentário

Commentaires


bottom of page