top of page
  • Foto do escritorMar Bahia

Salva-vidas passam por qualificação em Salvador

A Coordenadoria de Salvamento Aquático de Salvador (Salvamar) promoveu, na manhã desta terça-feira (16), uma qualificação com agentes de salvamento, com o objetivo de atualizar e aperfeiçoar o conhecimento dos profissionais. Durante a capacitação, os salva-vidas foram atualizados com informações sobre medidas preventivas, novidades no salvamento aquático, questões jurídicas e abordagem aos banhistas nas praias.

Foto: Divulgação

“No inverno, aproveitamos o baixo fluxo de banhistas nas praias para requalificar os agentes, de forma escalonada, a fim de prestar um serviço melhor à população”, declarou o chefe do setor de Prevenção e Treinamento da Salvamar, Leonardo Veloso.


O trabalho do salva-vidas segue protocolos internacionais, a exemplo da American Heart Association, através da Sociedade Brasileira de Cardiologia. “De dois em dois anos, os protocolos passam por modificações no que diz respeito ao atendimento pré-hospitalar e no suporte dado às vítimas, por isso é necessária a atualização constante, para ofertar um atendimento de qualidade para os banhistas”, explicou.


A Salvamar dispõe de 240 agentes distribuídos em 35 postos, ao longo de 28 quilômetros de orla, no trecho entre as praias de Jardim de Alah e Ipitanga (próximo ao kartódromo). Outros quatro postos móveis atuam diariamente e servem também a eventos do Município. Os profissionais têm a missão de proteger e orientar banhistas e demais frequentadores.


A estrutura de atuação é composta por moto aquática, pranchões, pés-de-pato, máscaras de mergulho, respiradores, capacetes e botes. Os salva-vidas também realizam medidas preventivas, educacionais, de orientação e de salvamento em ambientes aquáticos, evitando afogamentos e preservando a vida de quem estiver em perigo.


Contato

Em caso de emergência, além do contato direto com os profissionais nas praias, o serviço pode ser acionado através do número (71) 3363-5333. Já nas demais praias fora do trecho Jardim de Alah-Ipitanga, o contato deverá ser feito com o Grupamento Marítimo (Gmar), do Corpo de Bombeiros, pelo número 193.

0 comentário

Comments


bottom of page