top of page
  • Foto do escritorMar Bahia

SPU autoriza perfurações para sondagem da Ponte Salvador-Itaparica

A Superintendência do Patrimônio da União (SPU) concedeu autorização ao Consórcio Sondagem Ponte Salvador-Itaparica para realizar serviços técnicos especializados em investigação geológico-geotécnica. O projeto envolve cerca de 102 perfurações de sondagem mista em trechos offshore e onshore, ao longo do alinhamento previsto para a futura Ponte Salvador-Itaparica.

Conforme documento assinado pelo chefe da SPU na Bahia, Otávio Alexandre Freire Da Silva, e publicado no Diário Oficial da União, a área destinada ao serviço abrange 5.945.301,61 m², localizada na Baía de Todos-os-Santos, entre Salvador e Vera Cruz. As perfurações foram iniciadas no dia 22 de março, na beira-mar do município de Vera Cruz, utilizando uma plataforma. As perfuratrizes, máquinas especializadas em perfuração de solo e rochas, estão coletando fragmentos do solo onde serão instalados os pilares da ponte. Esses materiais serão enviados para laboratórios especializados que fornecerão relatórios detalhados sobre as características do solo da região.


No dia 17, o corpo técnico da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) recebeu Cláudio Villas Boas, presidente da Concessionária Ponte Salvador-Itaparica, para discutir o Plano de Desenvolvimento Econômico na área impactada pelo sistema viário. O secretário da pasta, Angelo Almeida, celebrou a participação da empresa de Engenharia Portuária, Subaquática e Offshore, Belov, que está atuando no processo de sondagem. A empresa está fornecendo balsas e montando equipamentos chineses em seu estaleiro no Porto de Aratu. Segundo a concessionária, o investimento na coleta de amostras do solo marítimo é de R$ 160 milhões.

0 comentário

Comments


bottom of page