top of page
  • Foto do escritorMar Bahia

Iphan autoriza implantação de museu, com restaurante e cerimonial no Forte São Marcelo

Após anos fechado e sem visitações, o Forte São Marcelo poderá passar por uma reforma e finalmente ter uma destinação, e tornando atração turística e cultural. Ontem (14), o Instituto do Património Histórico e Artístico Nacional (Iphan) aprovou o projeto idealizado por Fábio Rosa (veja aqui), ex-subsecretário de turismo e cultura da prefeitura de Salvador, com assinatura do arquiteto Ernesto Carvalho, para implantação de um museu, além de restaurante e cerimonial. Agora cabe à prefeitura de Salvador decidir como esse processo será realizado.



Santiago Campo, presidente em exercício da Sociedade dos Amigos da Marinha (SOAMAR) - e presidente da Associação Náutica da Bahia (ANB), parabenizou o Iphan pela aprovação do projeto. Para ele, o Forte São Marcelo é um ícone para o desenvolvimento da cultura e turismo de Salvador e do mundo.


Alexandre Jatobá, vice-presidente da ANB, declarou que a aprovação desse projeto é um marco na história do Forte, fechado por muito tempo e inclusive com seu píer derrubado pela ação do tempo. "Agora, surge a oportunidade da prefeitura de Salvador revitalizar o local, abrindo suas portas a turistas e soteropolitanos que terão a oportunidade de conhecer esse patrimônio histórico e através dele desenvolver a náutica na cidade.


0 comentário

Σχόλια


bottom of page