top of page
  • Foto do escritorMar Bahia

Regata internacional World ARC desembarca em Salvador

Em um movimento importante de retomada, depois de dois anos de interrupção das regatas por força da pandemia, Salvador recebeu, nesta quarta-feira(9), a 10ª Regata World Atlantic Rally for Cruising (World ARC), no Terminal Turístico Náutico da Bahia, no Comércio. Das oito embarcações que concluem a competição, a Sky foi a primeira a ancorar, sendo que as demais têm chegada prevista até domingo (12).

Foto: Divulgação

A Word ARC é um dos tradicionais e importantes eventos náuticos internacionais de navegação à vela. A Prefeitura de Salvador apoia institucionalmente a 10ª edição do evento, tendo coordenado com a organização da competição, em conjunto com a Capitania dos Portos (Marinha), Receita Federal e Polícia Federal os trâmites da chegada da regata.


Veja também:


"A volta das regatas internacionais confirma o potencial de Salvador, demonstrando que a Baía de Todos os Santos apresenta as condições geográficas favoráveis para o desenvolvimento do esporte náutico. Além disso, o evento volta a colocar Salvador no roteiro das regatas e contribui para a maior visibilidade da capital baiana”, lembra Geraldo Magalhães Pinto, diretor de turismo da Secretaria Municipal da Cultura (Secult), entidade que lidera o Comitê Náutico de Salvador.

Foto: Divulgação

“O apoio recebido é inestimável. O projeto de aprimoramento e crescimento do turismo náutico em Salvador, juntamente com a agilidade nos procedimentos de chegada e desembaraço, são muito importantes para o nosso evento, a fim de permitir que nossos participantes desfrutem plenamente da cidade de Salvador, com todas as suas belezas. Esperamos voltar aqui com mais embarcações e mais participantes.”, agradeceu o representante da World ARC, Stefano Palumbo.


As embarcações Sky Ko Tangaroa, Chanto, Celtic Star, Island Wanderer, Amazing Grace, Jubilate Mare e Nakula devem ficar ancoradas no Terminal Náutico até o dia 23 deste mês. Durante este período, 32 tripulantes da regata terão a oportunidade de conhecer os atrativos turísticos locais, incluindo o Carnaval baiano.


Volta ao mundo – Organizada todos os anos pela World Cruising Clube, a World ARC tem como meta dar a volta ao mundo, perfazendo um total de 26 mil milhas náuticas, correspondendo ao total de 15 meses de viagem. A tripulação é representada por diversas nacionalidades, entre americanos (5), ingleses (11), australianos (4), holandês (1), japoneses (7), brasileiros (2), canadense (1) e sul africano (1).


A regata atravessa os oceanos Atlântico, Pacífico e Índico. A saída ocorreu na Ilha de Santa Lucia, no leste do Caribe, e seguiu para o Canal do Panamá, passando pelo Arquipélago de Galápagos, no Equador. Em seguida, passou por ilhas do Pacífico, Ilhas de Marquesas, Arquipélago de Sociedade, na Polinésia Francesa; Tonga, Reino polinésio; Ilhas Fiji e Vanuatu, países da Oceania, Austrália; Lombok, Ilha da Indonésia; Christmas Island, na Austrália; Cocos Keeling, arquipélago australiano; Ilhas Maurícias, na África Oriental; Ilha da Reunião, no Oceano Pacífico; África do Sul e Namíbia, no continente africano; e Ilha de Santa Helena, antes de chegar a Salvador. Após o Carnaval, os veleiros têm um período livre, deixando a capital baiana para Cabedelo, na Paraíba, e, em seguida, finalizando em Granada (Caribe).


Economia do mar - Em julho de 2021, a Prefeitura implantou o Comitê Náutico de Salvador, reunindo membros do Poder Público municipal, estadual e federal, bem como da sociedade civil. Desde então, o comitê tem tratado da economia náutica de maneira ativa, como objetivo traçar estratégias para o fortalecimento do setor, na capital baiana.


Desde então, o Município vem trabalhando em temas associados à comunidade náutica, como a atração do Salão Grand Pavois - um dos maiores salões náuticos do mundo -, este ano, bem como a recuperação e modernização de rampas públicas de acesso ao mar.


SAC Náutico – Dentro da estratégia para o desenvolvimento da economia do mar, a Prefeitura desenhou o SAC Náutico, que está em fase final de implantação e será uma unidade instalada em um espaço na Doca1, no Comércio (ao lado do Terminal Náutico). A operação ocorrerá em parceria com órgãos com atribuições relacionadas ao setor náutico, incluindo a Capitania dos Portos (Marinha do Brasil), Receita Federal do Brasil e a Polícia Federal.


O trabalho sincronizado entre os órgãos já está em funcionamento e atendeu à regata World ARC, representando o primeiro evento com o apoio técnico e institucional do SAC Náutico. “Além de facilitar a vida do cidadão soteropolitano, depois da sua implantação, o SAC Náutico tem como visão figurar como importante pilar de atração de regatas e eventos internacionais, além de contribuir para que Salvador seja uma porta de entrada para o navegador estrangeiro no país”, explica a secretária de Desenvolvimento Econômico de Salvador, Mila Paes.


Entre 2001 e 2007, a cidade de Salvador recebia anualmente entre 200 e 300 embarcações, distribuídas por dezenas de eventos internacionais, como a World ARC. Esse é o movimento que a Prefeitura de Salvador pretende resgatar para a cidade, com o trabalho coletivo do Comitê Náutico e de parceiros do SAC Náutico. A edição 2023/2024 da regata já saiu do Caribe e a World ARC voltará a Salvador em 2024, com 25 embarcações.


0 comentário

Comments


bottom of page