top of page
  • Foto do escritorMar Bahia

Bahia será destino da expedição DARWIN200 na Década dos Oceanos

Dona de uma grande extensão de manguezais e uma rica diversidade marinha em seus oceanos, a Bahia recepcionará um dos mais importantes veleiros da Holanda, o Oosterschelde. Na lista como uma das regiões visitadas por Charles Darwin 200 anos atrás, a cidade baiana foi escolhida para capitanear atividades interativas que serão realizadas no espaço de visitação do veleiro com estudantes, universitários e jovens líderes conservacionistas determinados a inspirar soluções para os maiores desafios ambientais do nosso planeta

Foto: Divulgação

A equipe da expedição DARWIN200 tem como finalidade refazer o percurso de Charles Darwin pela América do Sul, visitando os principais locais onde, segundo seu diário de viagem, o jovem cientista foi impactado pelo que viu, coletou materiais e obteve pistas para a elaboração de sua teoria. Eles navegam na escuna de três mastros Oosterschelde de porto a porto em quatro continentes, participando de iniciativas de ciência cidadã ao longo do caminho para alguns dos cantos mais bonitos do mundo. O veleiro tem se tornado a 'sala de aula mais emocionante do mundo', divulgando suas descobertas para o mundo durante toda a viagem de dois anos através das mídias sociais.

Durante a permanência da expedição em Salvador, que ocorre entre os dias 18 e 27 de outubro, o Governo do Estado da Bahia, por meio de suas secretarias, promoverá uma série de atividades visando apoiar iniciativas de conservação da biodiversidade e de educação ambiental para a sustentabilidade, como a exposição de stands, mesa redonda, biblioteca itinerante e mostra fotográfica que serão disponibilizadas de forma gratuita ao público, assim como uma incursão que será realizada com estudantes de Salvador e do Interior baiano, ao lado de pesquisadores que estão a bordo no Oosterschelde, dos mais belos veleiros históricos do mundo. Os pesquisadores viajantes sinalizam que “não é necessária experiência anterior em navegação para quem deseja participar, mas a paixão pela aventura é obrigatória”.

Além das atividades a serem realizadas durante o período em que o veleiro ficará atracado no Terminal Marítimo de Salvador – CONTERMAS, foi proposto também que a embarcação navegue pela Baía de Todos-os-Santos. Sua costa, repleta de manguezais que servem de berçário para a vida marinha, abastecem os recursos pesqueiros, protegem a costa de eventos extremos e são conhecidos como a vegetação com maior potencial de captação de carbono atmosférico, contribuindo de forma significativa para a mitigação das mudanças climáticas.

Foto: Divulgação

A programação e o formulário de inscrição para os eventos serão disponibilizados ao público previamente, conforme planejamento da Secretaria do Meio Ambiente (Sema), Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI), Secretaria de Educação (SEC), Secretaria de Cultura (SECULT), Secretaria de Turismo (SETUR) e da Fundação Luís Eduardo Magalhães (FLEM), além do apoio da Marinha do Brasil, do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), da Bahia Pesca, do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai CIMATEC), da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), dos Projetos TAMAR e Baleia Jubarte, e das empresas Suzano Papel e Celulose e Companhia de Gás da Bahia - Bahiagás.

Mesa Redonda: ‘A Bahia na Década dos Oceanos’

Considerando suas atribuições no âmbito do Gerenciamento Costeiro do Estado da Bahia, a Sema, por meio da Superintendência de Políticas e Planejamento Ambientais - SPA e da Superintendência de Inovação e Desenvolvimento Ambiental - SIDA, promoverá uma Mesa Redonda para a cerimônia receptiva de chegada da expedição DARWIN200 em Salvador, sob o tema: ‘A Bahia na Década dos Oceanos’. O momento de debate acontece no dia 18 de outubro e tem o objetivo explorar soluções transformadoras, com base na ciência oceânica.

Líderes Darwin: Programa de liderança para jovens conservacionistas

Permanecendo a bordo, enquanto o navio está atracado em portos importantes durante uma semana de cada vez, estarão pequenos grupos dos jovens naturalistas e conservacionistas mais capazes do mundo, chamados de “Líderes Darwin”. Com idades entre 18 e 27 anos, eles estão sendo escolhidos para completar um programa de treinamento de liderança envolvente e transformador, com base em sua notável demonstração de ações de conservação. Os líderes multinacionais Darwin serão orientados por especialistas locais em conservação que orientarão e supervisionarão os seus esforços.

A intenção é promover um valioso intercâmbio de competências para que os Líderes Darwin regressem aos seus países de origem capacitados com experiências e ideias que utilizarão durante o curso das suas carreiras na conservação. A Bahia será representada durante a excursão através da participação de jovens líderes pré-selecionados, os quais navegarão ao lado dos pesquisadores até o próximo destino do Oosterschelde.

Os Líderes de Darwin selecionarão uma espécie de animal ou planta, avaliarão o status de sua população e como ela mudou nos dois séculos desde a visita de Darwin, aprenderão sobre as iniciativas de conservação atualmente em vigor para protegê-la e investigarão suas próprias ideias para melhor conservar as espécies escolhidas em o futuro.

DARWIN200 é uma viagem global pioneira de dois anos (2023-2025) de 40.000 milhas náuticas a bordo do histórico navio Oosterschelde para treinar e capacitar 200 jovens líderes conservacionistas determinados e inspirar soluções para os maiores desafios ambientais do nosso planeta. O veleiro Oosterschelde, de bandeira holandesa, foi originalmente construído em 1917 e maravilhosamente restaurado. A rota da viagem vai para todos os principais portos visitados por Darwin e alguns extras, mas não atravessa o Oceano Índico.

SERVIÇO

O quê: EXPO DARWIN 200: A Bahia na Década dos Oceanos

Quando: De 18 a 27 de outubro

Onde: Terminal Marítimo de Salvador - CONTERMAS

Horário: 08h30

Realização: Sema

Contato: (71) 99618-2470 / (71) 98400-6844

0 comentário

Comments


bottom of page