top of page
  • Foto do escritorMar Bahia

Marina Itajaí amplia e abre reservas para o final de ano

O litoral catarinense é um dos destinos náuticos mais procurados do país. A Marina Itajaí, que foi reconhecida como uma das melhores estruturas para receber embarcações do Brasil, já se prepara para uma das melhores temporadas da história. Com o investimento recente de R$ 2 milhões na ampliação de 50 novas vagas, o complexo terá um total de 405 vagas para atender a alta demanda do final de ano e já trabalha com reservas para os períodos de Natal e Ano Novo.

Segundo o diretor da Marina Itajaí Carlos Gayoso de Oliveira a taxa de ocupação do complexo náutico segue elevada por dois fatores. “A alta procura por vagas é reflexo do aquecimento do mercado, que segue em expansão e, inclusive, o setor náutico deve fechar o ano com faturamento recorde de R$2,5 bilhões, e também pela demanda reprimida por vagas em instalações náuticas no país”, explica. De acordo com o último levantamento feito pela Associação Brasileira dos Construtores de Barcos e Seus Implementos (Acobar), se levar em conta o número de barcos registrados pela Marinha do Brasil, existe no país um déficit de mais de 55 mil vagas para embarcações em instalações de apoio náutico.


Para o presidente da Acobar, Eduardo Colunna, apesar dos desafios, o país e, principalmente, Santa Catarina, ainda tem grande potencial de desenvolvimento. “O mercado náutico vem crescendo de 2020 para cá, isso foi uma movimentação mundial. O Brasil tem potencial para continuar crescendo e assim amadurecer como um todo. O estado de Santa Catarina teve um grande salto nos últimos 20 anos, se tornando um polo produtivo e com novas marinas e também com o evento Marina Itajaí Boat Show se tornará um importante destino náutico para consumidores locais e visitantes de outros estados”, afirma.


Um estudo realizado pela Lidera Consultoria apontou que para atender à demanda reprimida de vagas para embarcações é necessário um investimento privado de R$ 2,5 bilhões, o que geraria um impacto na economia brasileira de R$ 25 bilhões ao ano e na geração de 140 mil empregos. Isso ocorreria porque se estima que uma instalação de apoio náutico para 300 embarcações tenha impacto direto, indireto e induzido de R$ 141 milhões por ano na economia local e garanta 780 postos de trabalho. Os empregos são gerados de forma direta e indireta em instalações como marinas, estaleiros, fabricantes e fornecedores de embarcações, além de hotéis, restaurantes e comércio local.


No último levantamento feito pela Acobar, o Brasil tinha cerca de 480 estruturas regulares de apoio náutico, entre iates clubes, marinas e garagens náuticas, que oferecem em torno de 39 mil vagas secas e 7 mil vagas molhadas. O Sudeste é a região com maior número de vagas e também de embarcações com aproximadamente 50% da frota de esporte e recreio e 52% das estruturas de apoio náutico do país.


Marina Itajaí abre reservas para Natal e Ano Novo


Para quem deseja visitar o litoral norte de Santa Catarina durante os períodos de Natal e Ano Novo, a Marina Itajaí está com reservas abertas para a guarda de embarcações. O valor da diária inicia em R$ 188. O investimento inclui água, luz, acesso à internet, suporte operacional, portaria, segurança 24 horas, estacionamento, banheiros e vestiários. Posto de combustível com diesel Premium Verana (mais sustentável) também fazem parte da infraestrutura do complexo.

0 comentário

Kommentare


bottom of page